Último mês do ano, dezembro é também um dos melhores períodos para investir num automóvel novo. Tal deve-se, usualmente, à conjunção de dois fatores: o primeiro tem que ver com a necessidade por parte dos construtores de fechar o ano com números de mercado fortes, praticando, nalguns casos, descontos que podem ser bem apelativos aos consumidores, enquanto o segundo prende-se com o sempre castigador aumento de impostos que irá entrar em vigor no início do próximo ano.

Assim, o mês de dezembro assume-se como o melhor mês para adquirir automóvel novo, atendendo a estes dois fatores, sendo fundamental, desde já, abordar o que irá mudar com a atualização da fiscalidade automóvel para 2017.

Para o ano que se apresta a iniciar, o Governo de António Costa irá proceder ao aumento de 3% no Imposto Sobre Veículos (ISV). Em relação ao Imposto Único de Circulação (IUC), o aumento médio é de 0,8%, mas o mesmo pode chegar aos 6,5% ou aos 8,8% no caso dos mais poluentes. Além disso, os veículos com motor Diesel terão uma agravante neste imposto relacionada com o nível de emissões: entre 180 e os 250 g/km de CO2 irão pagar mais 38,08 euros, acima dos 250 g/km valor pagam 65,24 euros.

Mesmo se quiser comprar um veículo novo Plug-in híbrido, o incentivo é também mais reduzido: passa a ser de 562,5 euros contra os 1.125 euros deste ano.

Sabendo assim que o custo dos automóveis novos vai aumentar, pode também ficar a par de algumas das campanhas das marcas para este mês.

Citroën

O novo Citroën C3 tem uma campanha de 199 euros com financiamento Citroën Renting e contrato de manutenção incluído para a versão 1.2 PureTech 68 CVM Live (em Aluguer Operacional de Viaturas 48 meses/80.000 km).

Peugeot

A marca do Grupo PSA tem em vigor uma série de campanhas no seu site, com 3.000 euros de desconto à troca do carro antigo na compra de um novo 208, ao passo que o 308 tem um desconto de 4.000 euros à troca de um carro usado.

Ford

A Ford vai ao ponto de ter uma denominada campanha de Natal em que o grande focado é o Fiesta, que no caso da versão Trend passa de 16.096 euros para os 11.471 euros. Também o Focus conta com uma campanha de Natal em que a versão Trend+ passa de 20.662 euros para 16.362 euros.

Opel

O Adam recebe uma campanha de personalização com equipamento no valor de 500, ao passo que o Corsa Dynamic tem um custo a partir de 13.540 euros para a versão com motor 1.2 a gasolina de 70 CV, o qual tem um PVP sem campanha de 15.040 euros. Tanto o Astra de cinco portas como a carrinha beneficiam da oferta de upgrade de versão até 1.750 euros.

Volvo

A marca sueca tem uma série de modelos com campanhas em vigor até final de ano, com o novo V40 Cross Country a dispor de uma oferta de equipamento de 3.000 euros e oferta de contrato de manutenção programada de três anos.