Moto2 – GP da Alemanha: Miguel Oliveira 6º e pole para Franco Morbidelli

Está concluída a qualificação de Moto2 para o Grande Prémio da Holanda a realizar amanhã no circuito de Sachsenring. Uma sessão que começou com o piso a secar e que Miguel Oliveira aproveitou de imediato para realizar um tempo canhão ao rodar em 1m34,338s, o que lhe garantiu a pole provisória.

Contudo pouco depois, a chuva regressou em força ao circuito alemão deixando a pista muito encharcada, o que levou os pilotos a recolher as boxes, durante algum tempo, o que fez com que Miguel Oliveira se mantivesse no topo da lista de tempos até 8 minutos do final da qualificação, altura em que Thomas Luthi (CarXpert Interwetten) desalojou o português da KTM do topo da tabela de tempos.

Os oito minutos finais da qualificação foram estonteantes com trocas constantes no topo da classificação, com Franco Morbidelli (EG 0,0 Marc VDS) a bater Luthi, depois Sandro Cortese (Dynavolt Intact GP) a fazer melhor que Morbidelli e depois Miguel Oliveira a três minutos do final a mostrar que a KTM sabe andar chuva e a voltar a conquistar a pole provisória.

No entanto as duas últimas voltas da qualificação foram demolidoras, primeiro com Cortese a regressar ao topo da tabela de tempos, batido na última volta primeiro por Alex Márquez (EG 0,0 Marc VDS) e depois pelo seu companheiro de equipa Franco Morbidelli que desta forma assegurou a pole position para a corrida de amanhã.

O líder do campeonato realizou a sua melhor volta em 1m32,159s, relegando Alex Márquez para o segundo lugar da grelha a 0,253s, enquanto Sandro Cortese vai sair do terceiro lugar da grelha.

Já Miguel Oliveira terminou a qualificação na sexta posição a 0,642s de Morbidelli, o que lhe garante o último lugar da segunda linha da grelha de partida.

O GP da Alemanha de Moto2 tem lugar amanhã a partir das 11h20, hora de Portugal continental.