Empenhada na sua estratégia de eletrificação da gama, a Volkswagen vai revelar no Salão de Detroit, cujo início está previsto para o dia 8 de janeiro de 2017, a sua nova visão para uma ‘pão de forma’ autónoma e elétrica.

Este novo modelo pretende recuperar traços do passado, algo que a própria marca reconhece, mas aplicá-los à tendência futurista de veículos elétricos e autónomos, devendo este novo concept da família I.D. ter um papel igualmente importante na estratégia de mobilidade da marca recentemente lançada, a MOIA.

A Volkswagen apresenta este concept como um “veículo multifuncional de uma nova era” e a condução autónoma é possível de ser utilizada, mediante a pressão no logótipo da marca presente no volante, que é assim recolhido para o cockpit.

A companhia de Wolfsburgo garante, ainda, que este modelo providencia um “habitáculo amplo para viagens com uma autonomia mais ampla”. O estilo prevê-se que seja uma replicação da já conhecida Microbus que, por sua vez, era uma reinterpretação da icónica ‘pão de forma’.

O novo modelo segue, igualmente, as pisadas do primeiro concept I.D., mostrado em Paris e que aponta para o caminho estilístico destes modelos, assentes na mobilidade elétrica.