Comboios elétricos da Holanda funcionam só com energia eólica

Por toda a Europa, as velhas locomotivas com motor Diesel praticamente desapareceram para dar lugar a locomotivas elétricas. A eletrificação permitiu reduzir bastante a pegada ecológica dos caminhos-de-ferro, que deixaram de emitir poluição atmosférica durante a viagem. Mas os caminhos-de-ferro ainda são responsáveis indiretamente por poluição, na produção de energia. Com uma exceção.

Na Holanda, os comboios elétricos já emitem zero poluição. Isto porque, desde o início do ano, a NS, empresa que gere os caminhos-de-ferro holandeses, utiliza energia exclusivamente eólica para dar energia às suas locomotivas. A energia é fornecida pela Eneco, que tinha estabelecido um protocolo com a NS para colocar todos os comboios a funcionar a energia eólica em 2018, mas conseguiram atingir o objetivo um ano antes.

De acordo com dados fornecidos pela NS, uma turbina eólica a trabalhar durante uma hora consegue fornecer energia suficiente para colocar um comboio a circular durante quase 200 km. A empresa holandesa de caminhos-de-ferro faz 5500 viagens por dia, movendo 600 mil passageiros.