Toda a gente gostava de ter um iate de luxo, grande, imponente, impossível de ignorar e capaz de deixar o resto do mundo ruído de inveja. Roman Abramovich tem um. O emir de Abu Dhabi também. Paul Allen, o sócio de Bill Gates na Microsoft tem três. Iates fazem-nos pensar em locais de sonho como o Mónaco ou as Caraíbas. E também em filmes de espionagem à moda antiga.

O Black Swan é uma proposta do designer Timur Bozca, que pretende “cativar todos com um olho virado para o estilo, luxo, tecnologia e atração pelo mar. O iate foi desenhado para dar ao seu dono a experiência suprema em viagem”. Não queremos saber disso para nada. Pintado numa cor escura e contendo um ponto de aterragem para um helicóptero, este é o ideal para um filme de James Bond, e o seu dono só podia ser um Doutor No ou um Ernst Stavro Blofeld. Aos comandos deste iate, sentimos que o nosso destino é conquistar o mundo.

Com 10,2 metros de comprimento, o Black Swan pode ter espaço para 18 convidados divididos por uma master suite e seis suites normais, movendo-se pelo mar a uma velocidade de 28 nós (52 km/h), graças aos seus quatro motores de mais com uma potência combinada de mais 23.000 cv.

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.