Hoje em dia, é fácil para uma pessoa de meios possuir um carro com 500 cv de potência no motor. E nem é preciso ter um supercarro, ou até um desportivo “normal”, motores deste género também são encontrados em carros de luxo, ou veículos capazes de fazer todo-o-terreno. Juntar estas filosofias é mais difícil, mas já há um construtor que conseguiu. E só podia vir de um local como o Dubai, onde o deserto fica logo na porta de saída desta grande cidade.

O carro chama-se Zarooq SandRacer e combina características de um superdesportivo com as capacidades de um carro que participa no Dakar. Este modelo foi desenvolvido pela Campos Racing, equipa fundada por um ex-piloto de F1, e que atualmente participa na Fórmula 2, no WTCC (onde os seus pilotos são adversários de Tiago Monteiro) e na Fórmula E (gerindo a parte desportiva da Mahindra). Para manter o seu estatuto exclusivo, vai estar limitado a 35 unidades, a um preço de 395 mil euros.

O Zarooq tem um chassis tubular construído à mão, com uma carroçaria em fibra de carbono construída na Mansory, que também fornece as luxuosas decorações interiores. O chassis beneficia de uma suspensão regulável da Intrax, podendo alterar-se a altura solo num máximo de 45 cm. O motor vem do Chevrolet Corvette, com 6,2 litros e compressor mecânica, debitando 525 cv, que lhe permite atingir os 220 km/h de velocidade máxima em estrada, mas também obriga a montar um depósito de 130 litros para o combustível. Ainda assim, o conjunto é leve, pesando apenas 1300 kg.

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.