Toto Wolff e Niki Lauda em desacordo

Afinal e depois de Niki Lauda ter dito que não iriam ser tomados procedimentos relativamente às táticas utilizadas por Lews Hamilton em Abu Dhabi, na tentativa de chegar ao título, Toto Wolff veio agora divulgar que a Mercedes ainda não está preparada para encerrar esse capítulo. Niki Lauda disse há dias que “não temos problemas relativamente à forma como ele correu em Abu Dhabi”, referindo-se às ordens ignoradas por Hamilton, mas Toto Wolff, não partilha da mesma opinião: “Esse é um assunto que temos que discutir internamente, mas depois dos acontecimentos dos últimos dias, o assunto deixou de ter a mesma prioridade. Mas uma coisa é verdade, no próximo ano queremos avançar com os nossos valores, a nossa filosofia de corrida, e desse ponto de vista temos muito que aprender com o que aconteceu em Abu Dhabi. Nas próximas semanas, iremos clarificar a nossa posição aos nossos dois pilotos” disse Wolff.

O assunto esvaziou-se um pouco e a Mercedes pode suspirar de alívio, pois pode suportar-se nesse facto para não fazer nada, embora isso não mude a atitude do seu piloto que desrespeitou ordens diretas da sua equipa, por muito que essa atitude seja lógica para a maioria dos que assistiu à corrida. Ninguém que quer vencer um título deixará de fazer tudo o que for possível para o conseguir, e mais do que castigar o seu piloto, o que a Mercedes quer é colocar uma pedra sobre o assunto.

Há muita hipocrisia neste tipo de situações, o construtor quer que os seus pilotos façam tudo o que pretendem, segundo os seus interesses, mas como muito bem se sabe, quando se tem dois pilotos muito equilibrados a lutar pelo título é inevitável que sucedem problemas aqui e ali, e a equipa, mesmo conseguindo por algum travão, nunca conseguirá evitar que existam confrontos, a não ser que coloque nos contratos dos seus pilotos estatutos diferentes para ambos.