Dakar: Organização devolve tempo a Peterhansel que sobe à liderança

Stephane Peterhansel é o novo líder do Dakar depois da organização da prova lhe ter ‘devolvido’ o tempo perdido no socorro ao motard Simon Marcic, que partiu uma perna no acidente que teve com o Peugeot de Peterhansel.

O francês esteve parado junto do infortunado motard, terminou a etapa a 6m45s de Sebastien Loeb, mas no final a ASO devolveu-lhe 14m13s, tempo que lhe permite passar a liderar a geral com 5m50s de avanço para Loeb e dois dias e 306 Km cronometrados para disputar: “Estávamos os dois perdidos, rodava no leito do rio, não ia muito depressa, para aí a 60 Km/h mas como havia alguma vegetação não o vi. Ambos travámos quando percebemos que íamos colidir, mas não foi possível evitar o embate. não foi forte, mas ele ficou debaixo do carro. O meu co piloto, (Jean-Paul Cottret) saiu do carro, viu como e onde ele estava, e andei para trás. Foi forte o impacto na perna, mas tirando isso ele estava bem. Ele disse logo que tinha a perna partida e ficamos para aí 15 minutos com ele até chegar o médico de helicóptero” disse Peterhansel.

Classificação após Etapa 10 (atualizada)

1 Stephane Peterhansel/ Jean-Paul Cottret Peugeot 24h58m43s
2 Sebastien Loeb/Daniel Elena Peugeot +5m50s
3 Cyril Despres/David Castera Peugeot +25m40s
4 Nani Roma/Alex Haro Toyota +1h00m55s
5 Giniel de Villiers/Dirk von Zitzewitz Toyota +1h42m54s
6 Orlando Terranova/Andreas Schulz Mini +1h45m21s
7 Boris Garafulic/Filipe Palmeiro Mini +3h26m34s
8 Kuba Przygonski/Tom Colsoul Mini +3h53m40s
9 Romain Dumas/Alain Guehennec Peugeot +3h57m43s
10 Khalid Al Qassimi/Pascal Maimon Peugeot +4h24m17s