Ford Focus RS: Novo Pack e mais diversão

O Ford Focus RS é um modelo já de si muito… estimulante. Mas para o tornar ainda mais, a Ford lançou um novo Pack Opcional com o intuito de adensar essa sensação.

Este, que foi desenvolvido pela Ford Performance, inclui um diferencial autoblocante mecânico (LSD – limited-slip differential); tejadilho e retrovisores em preto para a cor exterior Nitrous Blue e assentos Recaro em dois tons e um spoiler traseiro que apresenta acabamento em preto mate, com os logos RS em azul nas laterais do spoiler.

Em relação ao autoblocante e, segundo a marca: “O LSD mecânico limita o binário do motor enviado a uma roda que reduziu a tracção no piso da estrada e redistribui binário para a roda com mais tracção para neutralizar o patinar que pode dificultar a aceleração e a estabilidade.

Ao controlar o binário enviado a cada uma das rodas da frente, o autoblocante Quaife do pack opcional do Focus RS permite ao condutor tirar o máximo partido da potência do motor 2.3 litros EcoBoost de 350cv em situações de condução de altas prestações e integra-se perfeitamente com as tecnologias de condução equipadas de série, a saber:

Tracção Total Ford Performance – que varia a distribuição de binário da frente para trás para se ajustar à situação de condução de cada momento, monitorizando a informação prestada pelos sensores do veículo 100 vezes por segundo e enviando um máximo de 70 por cento do binário para o eixo traseiro;

Vectorização Dinâmica do Binário – que utiliza conjuntos de embraiagens controlados electronicamente no eixo traseiro para enviar até 100 por cento do binário disponível a qualquer das rodas traseiras e pode mudar de um lado para o outro em apenas 0.06 segundos;

Controlo Vectorial do Binário (TVC) – que aplica automaticamente pequenas quantidades de força de travagem para limitar o patinar no eixo dianteiro”.

O pack opcional do Focus RS conta com modos de condução que incluem o primeiro Modo Drift da indústria para sobreviragens controladas em circuito; controlo de arranque para o melhor desempenho na linha de partida e uma aceleração de 4,7 segundos dos zero aos 100 km/h. Estou assim reunidas as condições para momentos únicos ao volante.

André Duarte/Autosport

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.