Hamilton é o piloto mais bem pago da F1; Ronaldo o melhor também nos rendimentos

A revista Forbes revelou a sua lista anual sobre os pagamentos a desportistas, na qual Lewis Hamilton figura como o piloto mais bem pago, ainda que longe de Cristiano Ronaldo, que passou a ser aquele que mais dinheiro vai receber, quase 83 milhões de euros.

O tricampeão do Mundo de F1 vai auferir em 2017 de um valor superior a 40,9 milhões de euros, dos quais 33,8 são de salários mais bónus, com um extra de 7,1 milhões de patrocínios pessoais e publicidade.

Sebastian Vettel é o segundo piloto mais bem pago, mas na lista da Forbes só aparece na 14ª posição, com um total de 34,2 milhões de euros, enquanto Fernando Alonso é o terceiro piloto e somente 20º da lista, com 32 milhões de euros, dos quais 1,7 milhões provêm de patrocínios pessoais.

Atrás do trio de pilotos de F1 surge a ‘estrela’ da NASCAR Jimmie Johnson, que ocupa apenas o 93º lugar da lista da Forbes, com 19,4 milhões, 1,7 dos quais de patrocínios pessoais. De referir que Cristiano Ronaldo passou para a liderança da lista da Forbes com um total de 82,7 milhões de euros, sendo seguido pelo jogador de basquetebol da NBA Lebron James com 76,7 milhões, e pelo também futebolista Leonel Messi, com 71,2 milhões.

Pos Nome Desporto Salário Outros Total
1 Cristiano Ronaldo Futebol 51,64 31,16 82,81
2 LeBron James Basquetebol 27,78 48,97 76,75
3 Lionel Messi Futebol 47,19 24,04 71,23
4 Roger Federer Tenis 5,34 51,64 56,98
5 Kevin Durant Basquetebol 23,68 30,27 53,96
6 Rory McIlroy Golf 14,25 30,27 44,52
6 Andrew Luck Football 41,85 2,67 44,52
8 Stephen Curry Basquetebol 10,95 31,16 42,11
9 James Harden Basquetebol 23,68 17,81 41,49
10 Lewis Hamilton F1 33,83 7,12 40,96

 

Nuno Barreto Costa/Autosport

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.