O novo Fórmula Elétrico vai trazer muitas surpresas

Embora sem avançar muitos detalhes, Jean Todt, presidente da FIA, afirmou que o novo monolugar que a Fórmula E vai utilizar pela primeira vez na época de 2018/19 vai incluir algumas surpresas. Foi ‘levantado’ ligeiramente o ‘véu’ sobre o carro criado pela Spark Technologies, mas parece ser evidente que vai muito mais do que uma evolução do atual modelo.

Para já percebe-se que a área carenada é muito superior à do atual monolugar, e que o ‘cockpit’ é envolvido por uma ampla proteção transparente – uma solução diferente do halo que fará parte da F1 em 2018. “Estamos em vésperas de boas surpresas e isto (o carro da quinta época) será uma boa surpresa, com uma nova tecnologia de segurança. É uma grande mudança num único carro e para mim a Fórmula E é uma categoria visionária no automobilismo”, afirma Jean Todt.

O novo carro deverá realizar os primeiros testes em outubro, antes de um carro ser fornecido a cada construtor a equipa no começo de 2018 para testes privados. Os construtores deverão ter oito dias adicionais de ensaios, para além dos 15 dias iniciais de preparação para a quinta época da Fórmula E.