Rali da Alemanha: Ott Tanak com vinte segundos para gerir no último dia

Andreas Mikkelsen recuperou 3.4s a Ott Tanak na última especial do dia do Rali da Alemanha. O piloto norueguês da Citroën está agora a 21.4s da frente, tendo uma vantagem de 8.2s para Sébastien Ogier, que diz que cometeu dois erros durante a especial. Tanak disse no final do troço que tinha uma boa margem para o último dia do rali, onde serão percorridos 52 quilómetros. Na luta pelo quarto lugar Elfyn Evans consolidou a sua posição, ganhando tempo a Juho Hanninen e a Craig Breen, com o piloto irlandês a ter perdido alguns segundos numa ligeira saída de estrada, são 18.4s a separarem os três pilotos.