GP da China de F1 pode ser antecipado por causa da chuva

Os responsáveis da Fórmula 1 estão a ponderar passar a disputa do Grande Prémio da China de Fórmula 1 para amanhã, de modo a evitar o cancelamento da corrida. Recorde-se que o primeiro treino livre foi muito afetado pela chuva, com o treino a ser interrompido duas vezes, a segunda das quais, definitivamente. Antes do segundo treino livre as condições meteorológicas não permitiam que os helicópteros médicos aterrassem em Xangai, o que impossibilitou a realização da sessão, pois os chineses não conseguiam garantir via livre para que uma ambulância pudesse chegar ao hospital de Xangai em vinte minutos, tempo máximo estipulado pela FIA.

Por isso, e sabendo-se que as previsões meteorológicas apontam para que no domingo se repitam as condições de hoje, a FIA e as equipas ponderam fazer a corrida amanhã, dia em que está prevista uma melhoria sensível das condições meteorológicas, o que já não sucede no domingo. A decisão tem que ser unânime. Para ‘ajudar à festa’, a corrida não pode ser atrasada, muito menos para 2ª feira, pois o GP do Bahrein é ‘já a seguir’ e o material tem que ser transportado muito rapidamente.