Funcionário da Maserati morre ao gravar aceleração do Ghibli

a carregar vídeo

Este caso ocorreu nos Estados Unidos, e as autoridades policiais afirmam que a gravação de um vídeo do Ghibli a acelerar dos 0 aos 180km/h terá sido a causa para este acidente fatal.

A Automotive News está a difundir a história de um funcionário de um concessionário da Maserati nos Estados Unidos que terá perdido a vida num caso que demonstra imprudência ao volante, aparentemente perdendo o controlo da viatura quando tinha acabado de fazer upload para o Facebook de um vídeo a mostrar uma aceleração dos 0 aos 180km/h ao volante do Ghibli. O automóvel pertencia ao estabelecimento comercial da marca do tridente, e a polícia apenas confirmou que o carro não foi roubado, não especificando se o acidente se deu durante uma viagem particular ou num test-drive. O funcionário era a única pessoa a bordo.

O responsável de comunicação da Polícia do Condado de Douglas, nos arredores da cidade de Denver, confirmou que o vídeo publicado é a principal razão pela qual as autoridades apontam a velocidade excessiva como causa do acidente, considerando ainda que a utilização indevida do telemóvel ao volante terá sido outro fator a contribuir para este desfecho fatal. O responsável máximo do concessionário disse lamentar profundamente esta situação e enviou as suas condolências à família do jovem de 24 anos que perdeu a vida. Questionado também sobre a forma como este acidente poderá ter ocorrido, optou por não fazer mais comentários.

Nuno Fatela/Turbo

Fonte: Automotive News