PSA prepara regresso à Índia

Este ataque ao mercado indiano deverá ter por base uma parceria com um fabricante local.

O Grupo PSA, detentor das marcas Peugeot, Citröen e DS, estará a preparar o regresso ao mercado automóvel indiano, de onde está ausente desde o final dos anos 90. A informação é avançada pelo jornal gaulês Les Echoes, que afirma que o anúncio oficial vai surgir na próxima semana, embora a PSA tenha refutado tecer qualquer comentário sobre este possível avanço. De qualquer forma, caso se venha a confirmar esta notícia, este será o regresso do fabricante gaulês a mais um lucrativo mercado automóvel asiático em amplo crescimento, após no último ano ter decidido também voltar a estar presente no Irão.

Segundo indica o Les Echoes, a presença da PSA na India será assegurada através de uma parceria com o fabricante local CK Birla Group, que disponibilizaria a sua unidade de produção situada em Chennai, que já é utilizada também pela Mitsubishi e tem uma capacidade de produção de 12000 unidades anuais. Ainda assim, este é um registo de produção bastante baixo para um fabricante de volume como a PSA, pelo que será preciso esperar mais algum tempo para saber se esta informação se confirma. Este regresso da PSA ao atraente mercado automóvel indiano, que representa três milhões de unidades comercializadas anualmente, significa ainda o cumprimento de mais um dos passos da estratégia idealizada em 2014 pelo CEO Carlos Tavares, que procurando expandir a presença global do grupo gaulês afirmou que tentaria até 2018 encontrar um parceiro para as marcas do grupo na India.

Nuno Fatela/Turbo