O Facebook tem uma função, nos menus do lado esquerdo, que lhe permite localizar um quase infinito número de grupos que servem para troca e venda de tudo e mais alguma coisa. Inclusive automóveis. Aliás, os grupos de entusiastas são dos mais ativos na troca e venda de peças, elementos decorativos e até carros. E é por causa destes grupos que o Facebook criou a função Marketplace.

O mercado do Facebook também pode ser acedido através dos menus do site, mas a sua funcionalidade está limitada apenas à América do Norte e à Austrália e Nova Zelândia. Apesar dessa limitação geográfica, já tem servido para algumas pessoas encontrarem comprador para os seus carros usados. Como as pessoas costumam partilhar um grande número de detalhes pessoais no FB, os interessados têm mais facilidade em encontrar alguém nas redondezas e a verificar se o vendedor tem escrúpulos.

Se o Marketplace continuar a crescer e a sua funcionalidade for extendida a outros países, em breve poderá destronar sites como a eBay ou Craigslist como local preferido para realizar trocas comerciais diretas entre privados. Mas isso não impediria os stands de usados de monopolizarem o espaço como já fizeram com outros sites.