Em breve, ninguém vai precisar de uma câmara ou de um smartphone para tirar fotografias. Olhar vai ser o suficiente. Isto porque não vai demorar muito para que câmaras sejam integradas em lentes de contacto. A tecnologia já existe e até já foi patenteada, só não passou à produção, uma vez que requer um certo nível de miniaturização com menor proteção do sistema.

Mas não vai demorar muito, uma vez que três empresas estão em guerra para chegar a este mercado. A Google foi a primeira a patentear um sistema do género, logo em 2014. O ano passado, foi a vez da Samsung e, um mês depois, da Sony. É este o sistema que parece mais avançado, uma vez que é capaz não só de tirar fotografias, guardá-las e transmiti-las via wifi, a câmara também é avançada o suficiente para controlar foco, zoom, luz e estabilidade.

O que poderá ser um problema, de momento, é o interface entre pessoa e máquina, que não é claro como funciona a partir das patentes. Mas em poucos anos vai ser possível acabar com a praga de pessoas a ocupar a paisagem com braços a segurar telemóveis. E também não vai ser possível tirar selfies.

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.