A manutenção é necessária para assegurar uma vida longa ao seu automóvel. Isto significa que deve cumprir escrupulosamente os limites de quilometragem estabelecidos pelo fabricante, obrigando a trocar vários componentes e consumíveis, com destaque para o óleo e o travões, mas também elementos da suspensão e dos travões.

Embora muitos destes elementos sejam frequentemente trocados ou substituídos em cada manutenção, isso não significa que, como condutor, não seja seu dever, reparar se estão a funcionar bem. Muitos deles são fáceis de observar a olho nu, como o consumo de óleo ou a degradação dos pneus. Outros, como os amortecedores ou o escape, fazem-se notar através de uma perda de conforto ou mais barulho a funcionar.

Mostramos aqui sete elementos que são fáceis de controlar pelo condutor, pelo que deve manter sob a sua própria observação, independentemente de quando está prevista a próxima manutenção. Não há motivo para esperar que lhe digam se o seu carro está bem ou não, quando pode saber isso pela sua própria experiência.

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.