As bolsas na Europa negoceiam mistas com investidores menos tensos por saberem que Pequim se reunirá com a Casa Branca no final de agosto.

Leia mais em www.dinheirovivo.pt