O governo indiano está apostado em reduzir a poluição produzida no subcontinente e em tornar a Índia independente em termos energéticos, tendo adotado várias medidas para tornar estes objetivos realidade. Estes objetivos também se fazem com passos pequenos, tendo anunciado que vai instalar painéis solares em vários comboios da rede pública de caminhos-de-ferro.

O plano passa por instalar painéis solares flexíveis nos tejadilhos de 250 carruagens, com a capacidade de 4,5 kW, ligados a uma baterias de iões de lítio com 110 volts. Estas baterias vão depois fornecer energia a sistemas de iluminação e de refrigeração, poupando a energia produzida pelos motores Diesel.

O projeto deverá custar 300 milhões de rúpias (3,9 milhões de euros), e vai passar por um período de concurso em que todos os interessados deverão equipar seis carruagens. O vencedor deverá depois completar a atualização nas carruagens restantes, num máximo de 18 meses.