A Rússia continua a levar a sua defesa a sério, e está a preparar a chegada de um novo avião do tipo AWACS (sistema aéreo de alerta e controlo, ou avião-radar), o Beriev A-100, cujo protótipo fez o seu voo de batismo, estando agora a caminho da entrada no ativo, prevista para 2020.

Tal como o seu predecessor, o Beriev A-50, o A-100 é construído com base no Ilyusin Il-76, com um comprimento de 46 metros e uma envergadura de 50 metros, mas recebe novas turbinas, que são 30 por cento mais potentes que as do modelo de base, e que lhe permitem atingir uma velocidade de Mach 0,82.

Mas o mais importante é o seu novo sistema de radar e de sensores, que prometem ser um grande salto evolutivo em relação ao que a Vega fornecia à UAC, construtora dos aviões Beriev, com uma antena giratório que completa uma rotação em cinco segundos, prometendo capacidades de deteção mais imediatas.

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.