Honda terá novo elétrico com base no Jazz

Pedro Junceiro
Pedro Junceiro
Editor Conteúdos

A Honda estará a ultimar os seus planos para ‘ressuscitar’ a versão elétrica do Fit (Jazz no mercado europeu), com o utilitário da marca nipónica a servir de base para um novo modelo de tecnologia EV, apontando em primeiro lugar para o mercado chinês, onde o seu lançamento deverá ocorrer na primeira metade de 2020.

A informação é avançada pelo jornal nipónico Nikki Asian Review, que aponta a intenção de a Honda ter neste modelo uma versão de custo contido (abaixo dos 20.000 dólares para o mercado local) para assim permitir um maior acesso à tecnologia elétrica por parte dos clientes chineses.

A marca irá associar-se à Contemporary Amperex Technology, a maior fabricante de baterias do mundo, para a conceção de unidades compactas a aplicar no Fit EV (ou num modelo com base neste), com uma autonomia esperada na ordem dos 300 quilómetros, o que já deverá servir para atrair mais clientes e interessados na mobilidade elétrica.

A este respeito, o mesmo jornal indica que a Honda pretende vender mais de 100 mil unidade anualmente, embora não fique claro se apenas no mercado chinês ou se também poderá ser vendido noutros países e regiões.