O Mini clássico está de volta… em formato elétrico

Pedro Junceiro
Pedro Junceiro
Editor Conteúdos

Numa temática que é bastante comum na indústria automóvel, a MINI irá recuperar um conceito ‘retro’ para o próximo Salão de Nova Iorque. Mais concretamente, apostando num automóvel que promove nostalgia, a companhia britânica irá revelar um Mini clássico equipado com motorização elétrica. Uma nova abordagem para um ícone, portanto, com um visual que é lendário associado a uma tecnologia que é vanguardista.

De acordo com a MINI, detida pelo Grupo BMW, o nascimento deste Mini Electric resulta de uma jornada imaginária através do tempo, com a história clássica deste modelo a ser capturada para um capítulo seguinte: um embaixador ambiental para uma nova era, com uma roupagem clássica.

A marca prepara o surgimento de um novo modelo elétrico, com o MINi Electric Concept a prefigurar o nascimento dessa nova variante, prevista para 2019, ano em que o original irá celebrar o seu 60º aniversário. Será baseado no MINI de três portas e a produção será efetuada na fábrica britânica de Oxford.

Contudo, o Mini Electric destas imagens não passará de um conceito imaginário sem tradução para uma versão de produção: o modelo a ser apresentado em Nova Iorque será único. No entanto, contou com um trabalho exaustivo de recuperação, com pintura vermelha no exterior complementada com apontamentos que lhe são únicos, como as faixas brancas no capot e o logótipo amarelo que era tradicional na marca.

A marca não revelou os detalhes da motorização deste clássico eletrificado. Quanto ao futuro, o modelo elétrico da MINI estará “repleto de carisma, estilo individual e de diversão de condução”.

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.