Para quem acha que é preciso um motor grande de 500 cv para se ter um carro desportivo, esqueça. Os americanos acham que “não há substituto para a cilindrada”, os alemães gostam de colocar turbos em motores de seis e oito cilindros, e os italianos adoram o V12. Mas motores pequenos, de três e quatro cilindros, com ou sem turbo, e com menos de 1000 cc de cilindrada, podem ser suficientes para dar ao condutor emoções únicas ao volante.

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.