Mazda MX-5 RF: Até parece outro carro

À primeira vista pode julgar-se que se trata de um MX-5 de última geração com “hard top”, capota rígida que foi disponibilizada em muitos dos seus antecessores. Mas, o RF(iniciais de RetractableFastback), que a Mazda acaba de lançar em Portugal, é bem mais do que isso e a marca compreendeu-o de imediato, disponibilizando versões com conteúdos que visam novos alvos. Porque o novo MX-5 RF pode encarar-se, de facto, como um carro diferente.

A teto rígido de acionamento elétrico transforma significativamente a quarta geração do MX-5 no que diz respeito à estética e, também um pouco, no que toca à vida a bordo. O modelo ganha dimensão e, embora não ceda um milímetro no prazer de condução que o celebrizou, acaba por transmitir a sensação de que ganhou a tamanho e a possibilidade de uma utilização menos radical.

Por isso, a Mazda introduziu conteúdos que até agora eram impensáveis no MX-5, como é o caso da caixa de velocidades automática na motorização de dois litros de cilindrada. Este grupo propulsor, na versão Excellence de equipamento, será, aliás, o topo da gama entre nós. O preço anunciado foi de 44 425 euros. Com caixa manual, o novo MX-5 RF com motor 2.0 litros (160 cavalos) custa 41 590 euros.

Mas, provavelmente será a versão equipada com o propulsor de 1.5 litros (131 cavalos) a contribuir mais significativamente para o objetivo de vendas recorde que a marca tem para este ano em Portugal. Com este propulsor o RF está disponível em dois níveis de equipamento: o já referido Excellence, neste caso por 35 140 euros, e o Envolve, versão “de entrada”, que custa 29 840. Estão disponíveis, para o Envolve e para o Excellence, vários packs de equipamento adicional, em áreas como o conforto o desempenho ou a segurança.

A Mazda tem como objetivo vender 400 unidades do MX-5 este ano em Portugal, com o RF a representar cerca de 50% desse número recorde. Recorde-se que o MX-5 tem representado quase 10% das vendas da marca entre nós, um valor significativo. O melhor ano de vendas desde o lançamento foi 2000, com 280 unidades, e 2016 registou a segunda melhor performance no mercado, com 247 carros vendidos.

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.