Novo Opel Corsa vai estrear serviço de conectividade e assistência online

Pedro Junceiro
Pedro Junceiro
Editor Conteúdos

Agora integrada no Grupo PSA, a Opel anunciou que irá desvincular-se gradualmente do serviço de conectividade OnStar, o qual é detido pela General Motors, anterior proprietária da marca alemã antes da sua venda à companhia liderada por Carlos Tavares. O conjunto de tecnologias substituto, o Opel Connect, será estreado no Corsa de nova geração, já em 2019.

Na sequência do anúncio de que a equipa de engenharia de Rüsselsheim liderará o desenvolvimento de veículos comerciais ligeiros do Groupe PSA e da atribuição de 15 Centros de Competência à sede da Opel, a marca faz saber que utilizará serviços de conectividade do Grupo PSA na Europa, seguindo assim uma tendência natural de partilha de sinergias entre as duas partes.

Desta forma, a Opel iniciará, faseadamente, a descontinuação da tecnologia OnStar, detida pela GM. Esse processo estará totalmente concluído no final de 2020.

Olá Opel Connect

Com a designação Opel Connect, os novos serviços de conectividade começarão a ser disponibilizados nos automóveis de passageiros e veículos comerciais ligeiros da Opel a partir do início de 2019.

Um dos primeiros modelos a beneficiar do novo Opel Connect será a nova geração Corsa, que a marca produzirá também em versão com motorização elétrica. Para além da função de chamada de emergência, o novo sistema oferecerá navegação conectada, realização de diagnósticos, assistência em caso de roubo do veículo, acesso remoto e funções de gestão de frotas, bem como Apple CarPlay e Android Auto. Até 2024, o novo Opel Connect estará disponível em toda a gama de modelos da Opel.

Na fase de transição, os clientes que pretenderem continuar a adquirir serviços da OnStar podem fazê-lo, com a garantia de que continuarão a usufruir dos mesmos padrões de qualidade prestados pela OnStar Europe Limited até ao final de 2020.