Corrida dos Campeões nos Açores?

Michele Mouton foi presença notada no Azores Airlines Rallye. A dirigente da FIA esteve nos Açores a convite de Francisco Coelho, presidente da Comissão Organizadora do evento, e tinha na sua agenda a participação em vários eventos em torno da prova mas acabou por faltar a alguns devido às dificuldades criadas pelo facto de ser muito conhecida pelo aficionado público local, pois fonte próxima da gaulesa afirmou que esta exigia algum anonimato nesta sua deslocação e movimentação na ilha.

Apesar de terem corrido rumores quanto a uma possível candidatura do Azores Airlines Rallye ao WRC – era 1º de abril, ninguém ligou – as mesmas fontes avançam que uma das razões da ida da antiga piloto ao arquipélago poderá ter a ver com a realização da Corrida dos Campeões naquelas paragens. De há muitos anos que a classificativa de Marques é elogiada internacionalmente pela sua configuração e pelo anfiteatro ‘natural’ que oferece. Se a tudo isso se juntar a grande aposta do governo regional na promoção do turismo, a prova que no passado foi co-organizada por Mouton poderá mesmo estar a caminho daquela ilha portuguesa. É apenas um rumor, uma possibilidade, mas caso se concretizasse, seria o regresso do formato mais apreciado da Corrida dos Campeões, que desde que foi para os estádios perdeu muito do elan que tinha.

Percebe-se que a passagem para os estádios alargou o leque de pilotos a todas as modalidades e permitiu que estes se defrontassem em pista sem que a vantagem pudesse estar do lado dos pilotos de ralis, mais habituados a percursos como por exemplo o das Canárias, mas nos estádios o espetáculo perdeu sempre muito, embora os plantéis que foram reunidos fizeram sempre do evento uma boa festa. O traçado da classificativa de Marques seria um regresso ao passado, mas um fabuloso postal turístico para os Açores…

João Freitas Faria/Autosport