ELMS: Pódio para Filipe Albuquerque nas 4 Horas de Portimão

Filipe Albuquerque, Hugo de Sadeller e Will Owen terminaram as 4 Horas de Portimão no segundo lugar, um pódio com sabor agridoce pois a vitória esteve no horizonte dos homens do Ligier #32 durante muito tempo. Uma penalização por excesso de velocidade no pitlane por parte de Hugo Sadeleer levou a um Stop&Go de 55 segundos, tempo que ‘matou’ as aspirações da equipa, sendo que a vitória continuou a ser possível, mas muito mais difícil. No entanto, é de realçar que esta penalização apenas tirou a vitória ao #32, uma vez que, mesmo ganhando a corrida e com as classificações finais que se registaram, Albuquerque e companhia não iriam ser campeões.

Desta forma, os homens da G-Drive, Ryo Hirakawa, Leo Russel e Memo Rojas, asseguraram o título, depois de uma prova em que se limitaram a olhar exatamente para o que precisavam para ser Campeões. Chegaram a andar nos lugares da frente, e mesmo com a queda para o quinto lugar não se atemorizaram, fugiram de toda e qualquer armadilha e alcançam um merecido título, apesar de só terem vencido uma corrida este ano. Mas foram muito mais regulares e os três segundos lugares de Silverstone, Red Bull Ring e Spa foram decisivos.

A Algarve Pro Racing teve um bom início de corrida, chegou a rodar na sétima posição, mas, depois, novo contratempo mecânico levou a mais um abandono, numa época muito azarada a esse nível para Stewart Cox e seus pares.