Force India VJM10: Expectativa para crescer

Depois de Williams, Sauber e Renault, foi a vez da Force India revelar a sua nova ‘arma’ para a temporada de F1 de 2017; o VJM10. Trata-se do décimo monolugar a equipa de Silverstone para a disciplina máxima do automobilismo, e aquele que tem de servir os propósitos de êxito de Sérgio Perez e Esteban Ocon, os seus pilotos esta temporada.

O VJM10 ostenta uma decoração mais prateada que a do seu antecessor, bem com a famosa ‘barbatana’ de tubarão no capot do motor, que volta a ser uma características nos novos F1. Aquilo que talvez irá distinguir mais o Force India dos Williams, Sauber e Renault é o desenho único do seu ‘nariz’, mais radical do que os dos seus adversários, mas também se notam diferenças significativas nas asas da frente e traseiras, face ao que foi visto o ano passado, não só devido às novas regras, mas também é uma asa bem mais aprimorada no que à aerodinâmica diz respeito. O Diretor Técnico, Andy Green, revelou que a escala da alteração de design foi bem mais elevada do habitual: “Comparado a época anteriores, este é quase um carro totqalmente novo. Carca de 95%. A filosofia é semelhante mas a verdade é que se começou totalmente do zero”

O monolugar, que como se sabe é motorizado pela Mercedes foi apresentado perto da base da equipa, em Silverstone e mantém o mesmo estilo de decoração. Depois de terem terminado a época de 2016 no quarto lugar do Mundial de Construtores, a equipa de Silverstone vai ter um desafio bem maior este ano, pois as mudanças de regras são uma oportunidade, mas também sempre mais complicadas para as equipas com menos meios. Um novo quarto lugar seria uma enorme surpresa, mas nesta fase tudo é possível esperar.

A equipa manteve Sergio Perez pelo quarto ano consecutivo, mas vai ter um novo piloto, o jovem francês Esteban Ocon. O mexicano é de opinião que os carros deste ano serão como “A GP2 para a F1 em 2016”, destacando também a questão física: “vai ser bem mais complicado e um grande desafio para os pilotos. De resto estou muito confiante pois esta gente, que já provou ser muito competente, tem trabalhado muito duro. Veja-se o ano passado, começámos a época mais atrás e terminámos o ano em quarto. Espero outro grande ano com a equipa”, disse Perez.

Nuno Barreto Costa/Autosport

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.