GP Espanha: Lewis Hamilton e Mercedes esmagam rivais

Absolutamente sem espinhas a vitória de Lewis Hamilton no GP de Espanha, cujas 66 voltas terminaram há pouco no Circuito Catalunha Barcelona. A Mercedes esteve imperial e apesar do grão de areia que Sebastien Vettel (Ferrari) colocou na estratégia da Mercedes no arranque, ao bater Valteri Bottas, a estratégia de boxes resultou em pleno e depois de relegarem o alemão da Ferrari para terceiro, ainda viram a Ferrari errar redondamente com uma paragem nas boxes debaixo do Safety Car Virtual devido ao abandono de Ocon (Force India), caindo para o quarto lugar.

Depois do início caótico onde ficaram fora de prova vários carros – Romain Grosjean, Nico Hulkenberg e Pierre Gasly – a corrida acabou por ser fácil para a Mercedes que reforçou a liderança no Campeonato de Pilotos com Lewis Hamilton a fugir a Sebastien Vettel, e roubou o comando do Mundial de Construtores à Ferrari, com a dobradinha dos alemães a contrastar com o quarto lugar de Vettel e o abandono de Kimi Raikkonen.

Destaques para as excelentes corridas de Fernando Alonso – foi 8º com um McLaren Renault que ainda está longe do que o espanhol deseja – e para Charles Leclerc (Sauber – Ferrari) que voltou a pontuar. No lado negativo, a colisão logo nas primeiras curvas e os muitos abandonos, nada menos que seis pilotos não viram a bandeira de xadrez.

Classificação

1º Lewis Hamilton (Mercedes), 1h35m29,972s; 2º Valteri Bottas (Mercedes), a 20,593s; 3º Max Verstappen (RedBull), a 26,873s; 4º Sebastien Vettel (Ferrari), a 27,584s; 5º Daniel Ricciardo (RedBull), a 50,058s; 6º Kevin Magnussen (Haas), a 1 volta; 7º Carlos Sainz (Renault), a 1 volta; 8º Fernando Alonso (McLaren), a 1 volta; 9º Sérgio Perez (Force India), a 2 voltas; 10º Charles Leclerc (Sauber), a 2 voltas; 11º Lance Stroll (Williams), a 2 voltas; 12º Bendon Hartley (Toro Rosso), a 2 voltas; 13º Marcus Ericsson (Sauber), a 2 voltas; 14º Sergey Sirotkin (Williams), a 3 voltas.

Abandonos: Romain Grosjean (Haas); Pierre Gasly (Toro Rosso); Nico Hulkenberg (Renault); Kimi Raikkonen (Ferrari); Esteban Ocon (Force India); Stoffel Vandoorne (McLaren)

Campeonato de Pilotos

1º Lewis Hamilton, 95 pts; 2º Sebastien Vettel, 78 pts; 3º Valteri Bottas, 58 pts; 4º Kimi Raikkonen, 48 pts; 5º Daniel Ricciardo, 47 pts. Pontuaram, até agora, 18 pilotos.

Campeonato de Construtores

1º Mercedes, 153 pts; 2º Ferrari, 126 pts; 3º RedBull, 80 pts; 4º Renault, 41 pts; 5º McLaren, 40 pts; 6º Haas, 19 pts; 7º Force India, 18 pts; 8º Toro Rosso, 13 pts; 9º Sauber, 11 pts; 10 º Williams, 4 pts.

José Manuel Costa