SUV Volkswagen I.D. Crozz confirmado

Apresentado no Salão de Los Angeles, o I.D. Crozz Concept servirá de base para o primeiro de 15 veículos eléctricos que a Volkswagen irá lançar até 2025.

I.D. Crozz Concept está equipado com dois motores eléctricos, um em cada eixo. O motor dianteiro debita 101 cv e o traseiro 201 cv, o que resulta numa potência combinada de 302 cv. De forma a aumentar a eficiência energética, o motor dianteiro desliga-se caso não seja necessário. Os dois motores são alimentados por uma bateria de 83 kWh com capacidade para 320 km de autonomia. É possível aumentar a autonomia para 482 km através de upgrades.

O sistema “Pilot” da Volkswagen, que inclui quatro scanners laser retrácteis colocados no tejadilho, câmaras e diversos sensores, atribui ao Crozz Concept capacidades de condução autónoma. Em modo autónomo o volante é recolhido e a insígnia I.D. é exibida no ecrã central. Este sistema apenas estará disponível em veículos de produção a partir de 2025.

O sistema “Pilot” não estará disponível na fase inicial do lançamento da versão de produção em série, mas outras tecnologias estarão. Destaca-se o heads-up display de realidade aumentada, câmaras laterais em vez de espelhos e vários sistemas de assistência à condução, já comuns nos modelos actuais da VW, como por exemplo cruise control adaptativo, lane assist e travagem de emergência automática.

As portas traseiras são deslizantes e as da frente têm um ângulo de abertura de 90 graus. O VW I.D. Crozz não exibe pilar B.

Nos Estados Unidos, o lançamento do Volkswagen I.D. Crozz precederá o do I.D. Buzz, previsto para 2022. O preço do Crozz não foi anunciado, mas tendo em consideração as suas dimensões, deverá estar próximo do preço actual do VW Tiguan AllSpace.

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.