Dakar 2018: Antoine Méo vence última etapa na Bolívia

Está concluída para os primeiros pilotos a oitava etapa do Dakar que ligou Uyuni a Tupiza na Bolívia, naquela que foi a etapa mais longa da prova com cerca de 500 quilómetros de especial e a segunda parte da primeira tirada maratona do Dakar e a derradeira em solo boliviano.

Antoine Méo (KTM) foi o piloto mais rápido ao concluir a tirada em 5h24m01s, depois de uma luta intensa com Ricky Brabec (Honda) que foi segundo a 1m08s, e que se atrasou na fase final da tirada. Desta forma Méo garantiu a sua segunda vitória no DaKar deste ano-

O terceiro melhor tempo foi para Toby Price que terminou a 2m45s do seu companheiro de equipa, na frente de Kevin Benavides que perdeu 5m52 na etapa deste domingo.

O quinto melhor tempo acabou nas mãos de Stefan Svitko (KTM) que gastou mais 6m46s que o vencedor da etapa.

Nota ainda para Joan Barerda (Honda) que depois de ter vencido a etapa de sábado, este domingo perdeu 12 minutos, pendo pago a fatura de abrir a pista.

Já o líder da classificação geral, Adrien Van Beveren (Yamaha), terminou a etapa a 8m44s do vencedor, mantendo a liderança da prova mas agora a escassos 22s de Kevin Benavides que o segundo da geral.

Matthias Walkner (KTM ) que foi sexto na etapa deste domingo a 7m do vencedor, ocupa agora o terceiro posto da classificação geral a 6m34s do líder da prova.