Vários Alfa Romeo encontrados em castelo abandonado

Ouvir falar de automóveis antigos abandonados em garagens ou celeiros poeirentos, encontrados passados largos anos é uma situação singular, desta vez o achado é ainda mais sui generis, quem diria que um castelo pudesse esconder seis modelos desportivos da Alfa Romeo dos anos 60?

Imaginemos uma manhã de Inverno, ainda antes do sol raiar, um grupo de exploradores entra no terreno do Castelo de Heers, um castelo do século XIII, a leste de Bruxelas, por certo, um cenário demasiado idílico para fazer tal descoberta.

Com o passar dos anos as estruturas do castelo foram-se degradando e apesar dos vários apelos do governo belga os irmãos Desmaisières, proprietários do castelo, não levaram a cabo qualquer intervenção de restauro naquele que era considerado um monumento protegido. Em 2007 o governo decidiu apreender o castelo e tudo o que constava no seu interior.

Após a apreensão do castelo por parte do estado belga, os automóveis continuaram a acumular poeira e ferrugem por pelo menos mais cinco anos, até que foram encontrados pelo grupo de exploradores em 2012. Entre os automóveis que encontraram no castelo estava um protótipo de um Alfa Romeo, acredita-se que este tenha sido construído por um dos irmãos que possuíam o castelo. Nos anos 60 Michel Desmaisières participou em algumas corridas de automóveis e existem registos de como participou numa delas ao volante deste protótipo, corria o ano de 1964. Podiam ainda vislumbrar-se um Giulietta 1300 SS Super Sprint de ’61; dois Giulia 1600 Spider Hard Top, um azul e um vermelho, ambos de 1962 e ainda um 1300 Sprint de ’64.

Em 2015 os Alfa Romeo encontrados no castelo foram a leilão e arrematados por um valor total de 117 mil euros, um dos herdeiros da marca italiana adquiriu um, outro foi vendido ao baixista de uma banda famosa.

Quanto ao Castelo de Heers encontra-se em processo de restauro e foi criado um site onde o seu progresso pode ser acompanhado e no qual é pedido aos exploradores que não entrem na propriedade em busca dos Alfas Romeo abandonados.

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.