E que tal um Jaguar de Stirling Moss por 15 milhões?

O Jaguar D-Type de 1954 que competiu no Le Mans é a grande estrela do leilão da RM Sotheby’s, que se realiza no próximo ano no Arizona, e está em exposição em Nova Iorque.

Para comemorar a semana da “vida de luxo”, a RM Sotheby’s faz a estreia ao público do seu atraente Jaguar D, um automóvel com um percurso impressionante nas competições históricas. Correu em Le Mans em 1954 com Sir Stirling Moss e Peter Walker ao volante, estabelecendo um registo de velocidade de 172,97 mph no Mulsanne Straight. A mesma dupla dirigiu-o em Reims, Goodwood, Oulton Park, Aintree, Silverstone. Também passou pelo piloto Ecurie Broadhead.

O automóvel vinha equipado, em 1954, com um motor de 3,4 litros, que posteriormente foi reconstruído pela fábrica em 1956, tendo sido restaurado na década de 80. Devido a todas as incríveis especificidades, acredita-se que este seja um dos D-type mais originais de sempre. Está, por isso, avaliado entre 12.000.000 a 15.000.000 dólares.

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.