Museu do Caramulo assinala 80 anos da Volkswagen com exposição

O Museu do Caramulo vai inaugurar uma a exposição temporária “Volkswagen: 80 Anos ao Serviço do Povo” dedicada aos 80 anos da marca alemã no próximo Sábado, dia 3 de Fevereiro.

Segundo Tiago Patrício Gouveia, Director do Museu do Caramulo, “Não queríamos deixar de assinalar os oitenta anos da Volkswagen, com uma mostra dos modelos mais emblemáticos da marca”.

“Volkswagen: 80 Anos ao Serviço do Povo”

O termo “Volkswagen” surgiu em 1924, pelo engenheiro alemão Josef Ganz, que lutava para modernizar a indústria automobilística alemã. Em 1933, durante a visita ao Salão Internacional do Automóvel de Berlim, Adolf Hitler viu no projecto “Volkswagen” uma forma eficiente de propaganda Nazi e encarregou Ferdinand Porsche de desenvolver o modelo que ficaria conhecido na Alemanha como “Käfer”, em Portugal como “Carocha” e nos Estados Unidos e Grã-Bretanha como “Beetle”.

Em 1938, o governo alemão apresentou o “KdF-Wagen”, mais tarde denominado “Volkswagen Carocha”, produzido na cidade fábrica KdF-Stadt, hoje conhecida como Wolfsburg e sede do Grupo Volkswagen.

Após 1948, a Volkswagen tornou-se um importante elemento simbólico e económico da recuperação da Alemanha Ocidental e em 1964, ao adquirir a Audi/Auto Union, uma nova geração de Volkswagens surgiu, com os modelos Golf, Polo e Passat.

“Volkswagen: 80 anos ao serviço do povo” conta com cinco modelos emblemáticos da Volkswagen, incluindo o raríssimo Kübelwagen, o veículo mais antigo da marca, em Portugal.

A exposição, que estará patente de 3 de Fevereiro até 31 de Maio no Museu do Caramulo, conta com o apoio da Câmara Municipal de Tondela, do Jornal dos Clássicos, do Motor24, do VW Ar Clube de Portugal e do Banco BPI.

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.