Este é um dos Ferrari mais raros do mundo

Tem apenas 38.000 km percorridos, está pintado da cor ‘Bianco Polo Park’, tem rodas Campagnolo aro 15, interiores impecáveis com assentos de couro preto ‘Daytona’. Para além de tudo isto, já pertenceu a Ross Brawn, engenheiro de automobilismo e ex-chefe de equipa de corrida da Mercedes-Benz, actualmente director desportivo da Fórmula 1. Este Ferrari Dino 246 GTS de 1974 é um dos mais raros de todo o mundo e tem a particularidade de ter volante à direita (uma das apenas doze unidades produzidas).

A Hexagon Classics leva agora a leilão este clássico muito especial, avaliado em cerca de 700.000 euros. O automóvel apresenta um elevado estado de conservação e vem com um manual de instruções original e um certificado Ferrari Chassiche, que assegura a qualidade do mesmo.

Paul Michaels, presidente da Hexagon Classics, destacou a importância deste automóvel. “É realmente um Dino muito especial. Além de ter pertencido a Ross Brawn, é um dos mais raros do mundo. O pacote de rodas, que veio de fábrica, é altamente desejável e é uma adição estonteante a um automóvel incrível”.

Quanto à mecânica, possui um motor V8 de 2.4 litros com 197 CV, capaz de alcançar os 235 km/h!

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.