Venda de Ferrari de Trump ficou abaixo das expectativas

O Ferrari F430 Coupe, que Trump comprou em 2007 como carro pessoal, ficou abaixo das expectativas no leilão realizado ontem na Florida. A casa de leilões Auctions America esperava que o Ferrari fosse vendido por 250 a 350 dólares, mas acabou por se fixar nos 240 mil, menos 10 mil dólares do que o previsto.

As expectativas sobre o valor deste automóvel estavam bastante elevadas e deviam-se ao facto do presidente Trump ter sido um dos donos, o que supostamente lhe agregava ainda mais valor em termos de história de propriedade. No entanto, a venda acabou por ser uma desilusão no leilão de Fort Lauderdale.

Após o leilão de ontem na Florida, a Sothebys emitiu um comunicado onde confirma que “o automóvel mudou de mãos minutos depois de ter saído do podium”, com um preço final de venda de 270 mil dólares.

Este Ferrari vermelho de 2007 esteve na posse do magnata por pouco mais de quatro anos e conta com cerca de 3.860 km. O segundo e último proprietário comprou o automóvel em 2011 e adiciou-lhe mais 6.000 km. A venda incluiu uma cópia do título de propriedade com a assinatura do presidente e o endereço da Trump Tower em Nova York.