Audi desvenda novo A7 Sportback

O coupé topo de gama da marca dos quatro anéis foi renovado e ganha um conjunto de tecnologias estreadas com o A8. Disponível numa primeira fase apenas com um motor V6 de 340CV, as primeiras entregas do novo Audi A7 Sportback estão marcadas para fevereiro de 2018.

Foi revelado pela Audi o mais luxuoso dos seus modelos Sportback, com a renovação desta versão de traços aproximados aos coupé com linhas descendentes na secção posterior do teto. Este novo Audi A7 Sportback mantém praticamente inalteradas as dimensões em relação ao antecessor, com 4,97m de comprimento, 1,90m de largura, 1,42m de altura e os eixos distanciados por 2,93m. Recorrendo de forma intensiva ao alumínio para a estrutura para manter baixo peso, este novo porta-estandarte da marca de Ingolstadt vai poder surgir em versões de quatro ou cinco passageiros (consoante a fila traseira de assentos seja contínua ou os clientes optem por dois bancos individuais), e a sua bagageira de 535L poderá ser alargada até um máximo de 1390L.

Motor e mecânica

A mover o novo Audi A7 Sportback está, na primeira fase, apenas disponível o motor V6 3.0L de 340CV e 500Nm conetado a uma caixa manual de sete velocidades com dupla embraiagem. Esta versão é denominada Audi A7 Sportback 55 TFSI Quattro S tronic, surgindo desde logo a referência à utilização do sistema de tração integral da marca germânica. Posteriormente a gama será reforçada com versões diesel e a gasolina, e fontes referem, sem confirmação oficial no press release da marca, que já em 2018 poderá ser lançada uma versão híbrida de Plug-In ‘e-tron’.

Um dos destaques deste “coupé” está na utilização do sistema elétrico de 48 volts, estreado com o Q7 e também já utilizado no novo A8. Recorrendo a uma bateria para armazenar energia obtida nas travagens, esta força adicional é posteriormente utilizada nos momentos de arranque. A Audi afirma que isto irá permitir poupar 0.7L/100km, garantindo assim uma média ponderada de 6,8L/100km.

A Audi afirmou que um dos principais focos no desenvolvimento do novo Sportback de topo foi melhorar a resposta da direção para que ela se tornasse mais direta e garantisse maior ligação à estrada. Outro dos principais destaques na mecânica é o eixo traseiro direcional, com o Dynamic All-Wheel Steering a poder mover as rodas posteriores num ângulo de 5º. Abaixo dos 60km/h elas movem-se em sentido contrário da dianteira para garantir maior agilidade em ambiente urbano, e a velocidades superiores seguem no mesmo sentido para um comportamento mais preciso.

A renovada suspensão pneumática e o novo controlo dinâmico do chassis tornam, segundo a marca, o “Audi A7 Sportback no Gran Turismo perfeito”, existindo ainda em opção uma variante desportiva da suspensão que reduz a distância ao solo em 10mm. Neste conjunto de fatores para potenciar o comportamento é ainda destacado o (opcional) diferencial desportivo, com a sua vectorização de binário no eixo traseiro a ser considerada o complemento ideal para o sistema quattro.

Design

A imagem exterior deste modelo é claramente inspirada no Prologue Concept, o elogiado protótipo que a marca de Ingolstadt revelou em 2014 no Salão de Los Angeles. A dianteira surge dominada pela combinação entre a grande grelha e o perfil trabalhado das óticas (no topo com luzes Laser) que se conjugam com as suas extremidades, enquanto na retaguarda o principal destaque vai a faixa contínua de iluminação LED que pode ostentar várias sequências dinâmicas. Além disso, o Sportback conta com um aileron ativo que passa a ser visível acima dos 120 km/h.

A bordo, a atmosfera marcada por requinte e tecnologia vê a sensação de espaço reforçada pela orientação das linhas na horizontal. Mas o que mais se destaca é a forma espetacular como as informações são oferecidas ao condutor, com a projeção no ecrã a acompanhar os três ecrãs, um dedicado ao painel de instrumentos e dois na consola central para o infotainment e funções do carro. Além disso, surge logo abaixo, onde antes se encontrada o conhecido comando rotativo da Audi, um novo MMI Touch Responsive, que permite escrever e conta já com feedback háptico e acústico para tornar mais intuitiva a sua utilização.

No exterior o Audi A7 Sportback pode ser encontrado em 15 cores diferentes, oito das quais em estreia no modelo e é permitida a opção entre várias jantes até 21’’ de dimensão. A bordo entre as várias hipóteses de escolha surgem em destaque os três sistemas multimédia (MMI Radio, MMI Navigation e MMI Navigation Plus) e no “Audio do Audi” existem quatro opções distintas, a de topo a ser assinada pela Bang & Oluffsen e a permitir uma experiência 3D nos bancos traseiros. Além disso, podem ser introduzidos vários equipamentos de conforto como a climatização mais avançada dos bancos ou o ambientador na climatização para perfumar o ar interior. Além disso, está disponível o pack S Line para os que pretendem uma atmosfera mais desportiva no exterior e habitáculo.

Tecnologias

Apesar do imenso concentrado tecnológico que é o habitáculo do Audi A7 Sportback, destaque ainda para os 39 sistemas de assistência ao condutor. Entre esta grande oferta destaque desde logo para os que vão chegar em 2018 com recurso à Inteligência Artificial. É o caso do Remote Parking, disponível também a partir do exterior com uma App, e que já nos tinha sido introduzido com o Audi A8.

Além disso, combinando tecnologia e segurança, a utilização dos 5 sensores, 5 câmaras e 12 sensores ultrassónicos garante máxima eficácia e redundância dos sistemas ao obter informações de várias fontes, assegurando o funcionamento do programador de velocidade ativo, da manutenção em faixa e outros sistemas.

O novo Audi A7 Sportback será produzido na fábrica de Neckarsulm e tem lançamento no mercado agendado para o final de fevereiro de 2018, na Alemanha. No seu país natal os preços vão ter início nos 67.800€.

a carregar vídeo

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.