BMW iNext terá 700km de autonomia

Esta grande distância a percorrer entre carregamentos poderá ser um dos maiores trunfos do futuro crossover de emissões 0 da marca germânica, que tem vindo a ser designado como BMW iNext

O nome final não deverá ser BMW iNext, mas já começam a surgir algumas informações sobre o crossover elétrico que o fabricante de Munique desenvolve. Numa altura em que não está certo o futuro dos atuais i3 e i8, este modelo inspirado no homónimo concept iNext, de 2016, vai surgir, previsivelmente, na versão final de produção em 2021 e já com uma autonomia de 700km. É necessário enfatizar que estes são dados obtidos com base no ciclo de homologação americano, mais próximo da utilização real e com valores mais reduzidos que os alcançados nas provas europeias, e que significam uma excelente vantagem aos 474 km anunciados neste território para o rival Tesla Model X P100D.

A estética irá ter algumas semelhanças aos dois pioneiros da divisão de elétricos da BMW acima referidos, e espera-se que este crossover venha a utilizar numa escala ainda mais alargada a fibra de carbono (o que até é bom, pois as sobras até servem para a cobertura dos motores da Mini…). Caso se venha a confirmar a grande autonomia deste BMW iNext, ele confirma a promessa da marca em lançar-se numa segunda geração de modelos elétricos enquanto os rivais ainda estão a “bater terreno” e a aprender como operar nesta área. A tecnologia poderá ser outro destaque deste modelo, que contará já com os níveis 3 e 4 de condução autónoma na versão final de produção.

Fonte: Autoblog