Grupo BMW soma e segue em Portugal

Pelo terceiro ano consecutivo, o Grupo BMW Portugal regista o melhor ano de sempre em todas as unidades de negócio. A BMW, a BMW Motorrad e a MINI venderam 18.837 unidades no ano transato.

O Grupo BMW Portugal fecha 2017 com um crescimento de 6% face a 2016, com as marcas do consórcio a registarem 18.837 unidades comercializadas no mercado nacional. O ano passado foi o melhor ano de sempre do Grupo BMW no nosso país, dando continuidade a um recorde alcançado em 2015 e 2016.

No que respeita aos modelos BMW, a marca regista um total de 14.534 unidades vendidas em 2017, o que corresponde a um crescimento de 2% em relação a 2016. O BMW Série 1 continua a ser o modelo mais procurado, com 4.163 unidades comercializadas, seguindo-se o BMW Série 4 Gran Coupé e o BMW Série 2 Active Tourer com vendas de 1.351 e 1.305 unidades, respetivamente. Da BMW M circulam 125 novas viaturas nas estradas portuguesas, um crescimento de 58%.

Os resultados da mobilidade elétrica da BMW i e iPerformance revelam que a tendência para a eletrificação adquire cada vez mais preponderância nas preferências dos portugueses. Em 2017 comercializaram-se 1.235 modelos BMW eletrificados no país, sendo o 330e iPerformance o mais procurado, com 352 unidades vendidas. No total, o crescimento das vendas atingiu os 238%.

A MINI também cresce em Portugal pelo terceiro ano consecutivo

Os resultados da MINI mostram que a marca encerra 2017 com um crescimento de 8%, atingindo o número recorde de 2.800 unidades vendidas. O MINI 5 Portas foi o modelo mais procurado no ano anterior (745 unidades), seguido do MINI Clubman e do MINI 3 Portas com 635 e 538 unidades vendidas respetivamente.

O MINI Cabrio assinala também um recorde de vendas, com 361 unidades, e foram comercializadas no ano passado 140 unidades de modelos MINI John Cooper Works. O novo MINI Countryman PHEV registou 98 unidades vendidas.

BMW Motorrad vende 1.500 unidades vendidas e regista um crescimento superior a 30%

No mercado dos motociclos, a BMW Motorrad registou pela primeira vez em Portugal um crescimento de 31% comparativamente ao ano anterior. O fabricante alemão vendeu, também pela primeira vez, 1.503 unidades de motociclos, sendo a terceira marca mais vendida neste mercado em Portugal.

A BMW R 1200 GS Adventure foi a moto mais procurada, com 322 unidades vendidas, seguida da BMW R 1200 GS, com 311 unidades.

O ano passado reforçou a liderança da BMW Motorrad no segmento dos motociclos com cilindrada superior a 750cc, tendo registado neste segmento um crescimento na ordem dos 25%. No ano que marcou a entrada do fabricante no segmento de cilindradas abaixo dos 500cc, as novas BMW G 310 R e a BMW G 310 GS, registaram vendas de 62 e 19 unidades respetivamente.

Após-Venda, uma área que também regista crescimento

Os resultados da área do Após-Venda são outro motivo de celebração do Grupo BMW Portugal. Acompanhando a tendência de crescimento do mercado automóvel, o fabricante alemão revela que superou os 62.8 milhões de euros de faturação nos serviços Após-Venda. O crescimento foi na ordem dos 9%.

A BMW Motorrad faturou mais de 4 milhões de euros na área do Após-Venda, um crescimento de 15% face a 2016. Também a MINI regista um crescimento pelo quinto ano consecutivo destes serviços, na ordem dos 8%, e um volume de negócios superior a 4 milhões de euros.

BMW Financial Services – Número recorde de contratos de financiamento e seguros pelo terceiro ano consecutivo

O financiamento automóvel da BMW Financial Services Portugal encerra 2017 com um novo recorde de vendas, num crescimento superior a 3% comparativamente a 2016. No ano passado, este serviço reuniu 9.245 novos financiamentos, sendo que 57% dos contratos tiveram como fim automóveis novos da BMW, 14% de carros novos MINI, 8% de motociclos novos, e 21% veículos usados.

A carteira de contratos de financiamentos ativos representou um crescimento de 9% face a 2016, traduzindo-se na gestão de 22.845 contratos ativos em 2017. Já o setor dos seguros registou um aumento de 17%, assinalando um novo recorde de 3.737 novos contratos no ano de 2017.

Saiba quais foram as marcas mais vendidas em Portugal durante 2017