Londres lança nova tarifa aos carros mais poluentes

Londres lançou uma nova tarifa, de nome ‘T-charge’ aos automóveis mais velhos e mais poluentes para tentar melhorar a qualidade do ar na capital de Inglaterra. A medida abrange viaturas a gasolina e a gasóleo registadas antes de 2006.

Quem for proprietário de um automóvel com motor a diesel ou a gasolina registado antes de 2006 e quiser circular em Londres das 7h às 18h durante os dias de semana terá de pagar uma tarifa adicional de 10 libras – cerca de 11,22 euros – a juntar à tarifa em vigor de 11,5 libras (12,91 euros), que tem o intuito de ajudar ao descongestionamento do trânsito.

A nova taxa aplica-se a automóveis recorrentes a combustível fóssil registados antes de 2006 por serem mais poluentes, uma vez que não cumprem os requisitos estabelecidos pela norma europeia Euro 4, introduzida em 2005. No total, a taxa é de 21,50 libras, o que corresponde a cerca de 23,13 euros.

Leia também: Reino Unido vai obrigar gasolineiras a ter pontos de carga elétricos

Segundo o meio AutoNews, o major de Londres, Sadiq Kahn, confirmou esta medida, numa tentativa de melhorar a qualidade do ar na cidade. “Como major, estou determinado em tomar medidas urgentes para ajudar a limpar o ar letal de Londres. A vergonhosa crise de saúde pública que Londres atravessa, com milhares de mortes prematuras causadas pela poluição do ar, tem de ser resolvida”, referiu Khan. Com a medida ‘T-charge’, Sadiq Kahn considera “que hoje se estabelece um marco” na luta contra a poluição do ar na cidade.

A medida surge numa altura em que a magistratura do Reino-Unido revelou que as medidas do Governo para combater a poluição do ar são insuficientes para cumprir com as matrizes da União Europeia para a redução do dióxido de nitrogénio. Segundo a investigação da universidade King College do Reino Unido, 9.500 pessoas morrem todos os anos em Londres devido à poluição do ar na cidade.

Leia também: É hoje que o Reino Unido bane o Diesel e a gasolina