Range Rover PHEV preço base com potência de topo

O Range Rover híbrido de carregar na tomada é o mais barato da gama mas, com 404 cv, está longe de ser o mais “fraquinho”. Não gasta muito e ainda anda cerca de 30 km em modo EV.

Naturalmente grandes e pesados, os Range Rover habituaram-nos a motores com três ou mais pares de cilindros. Por isso, estranhamos quando nos sentámos ao volante do primeiro Range Rover com um bloco de quatro cilindros e apenas dois litros de capacidade. Curioso como, dependendo das circunstâncias, 300 cv podem soar a pouco.

Felizmente, entre o bloco e a caixa automática de oito velocidades encontra-se um motor elétrico de 116 cv. Combinada a potência dos dois motores, o Range Rover PHEV apresenta uns dignos 404 cv. Não é suficiente para o transformar num sprinter, mas chega para arrancar até aos 100 km em 6,8 segundos.

Mudando de registo, pode percorrer até um pouco mais de 30 km em modo elétrico. O suficiente para lhe baixar o preço para os 124 668€ do nível de equipamento Vogue, que fica assim mais barato que os 132 175€ do Range Rover TDV6 HSE de 258 cv, e para o qualificar para um desconto na tributação autónoma. Também pode fazer todo-o-terreno em modo EV, mas sobre isso escrevemos na próxima edição da Turbo.

Ricardo Machado

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.