Como é que um motor V8 foi parar a um citadino Aston Martin?

Acredita que a Aston Martin conseguiu incorporar um motor V8 de 4.7l no citadino Cygnet? É verdade, este modelo, idêntico ao Toyota IQ, adota, entre outros componentes, o propulsor do Vantage S. Imparável, este Aston Martin Cygnet V8…

O Cygnet é um citadino da Aston Martin que se demarca pelo caráter de luxo, ainda que para alguns seja um patinho feio. Com um chassis baseado no Toyota IQ, o modelo regressa após cinco anos mas limitado a apenas um único exemplar, o Aston Martin Cygnet V8. Como o próprio nome indica, o automóvel recebe um motor V8, herdado do Vantage S (entre outros componentes como os dos sistema de transmissão), sendo esta uma estranha mas interessante proposta da marca de Gaydon. O bloco em questão, o V8 de 4.7l naturalmente aspirado, desenvolve 430cv de potência e 490 Nm de binário.

a carregar vídeo
Como conseguiu a Aston Martin montar este bloco gigantesco no citadino? Através de transformações na carroçaria. O automóvel recebeu também pneus maiores e mais largos e as zonas das cavas das rodas tornaram-se musculadas, alteradas com recurso a fibra de carbono. Desta forma, o Cygnet V8 consegue acomodar jantes de 19”. A marca a perfeita distribuição do peso, de 50/50, apesar do aumento dos 1000kg para os 1375kg. Em termos de prestações, o citadino acelera dos 0 aos 100 km/h em apenas 4,2s e consegue atingir os 274 km/h de velocidade máxima.
A estreia deste exemplar único terá lugar no Festival of Speed de Goodwood, evento que abriu portas hoje.

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.