VW: Multas das emissões ajudam na construção de laboratório

As multas impostas ao Grupo Volkswagen decorrentes do Dieselgate, a manipulação de emissões das viaturas a diesel, contribuirão para a construção de um laboratório de emissões na Califórnia. O edifício custará 419 milhões de dólares, cerca de 360 milhões de euros.

o Conselho de Recursos do Ar da Califórnia (CARB), nos EUA, vai construir um laboratório para a avaliação de emissões. As multas impostas ao Grupo Volkswagen decorrentes do Dieselgate servirão para pagar cerca de um terço do custo de construção do edifício, estimado em 419 milhões de euros, aproximadamente 360 milhões de euros. A construção começará na sexta-feira, dia 3 de novembro.

Segundo Mary Nichols, diretora do CARB, as capacidades técnicas do laboratório conseguem competir com as desenvolvidas pelos fabricantes de automóveis. O laboratório, além de prevenir situações de fraude, conseguirá determinar se as emissões das viaturas projetadas inicialmente pelos fabricantes correspondem às emissões em condições de condução reais.

“À medida que aumentamos o controlo das emissões, chegamos ao ponto em que é difícil discutir padrões mais estritos, ao invés de avaliarmos se os carros estão a cumprir os padrões para os quais foram certificados em primeiro lugar”, refere Mary Nichols. O laboratório terá cerca de 116 metros quadrados e será construído perto das instalações da Universidade da Califórnia, em Riverside.

Recorde-se que a Califórnia já anunciou medidas de combate aos motores de combustão, procurando diminuir as emissões de dióxido de carbono em 80% por volta de 2050.

Leia também: Ex-responsável de motores da VW preso

Fonte: Autonews