TotalEnergies e Air Products assinam acordo para entrega de Hidrogénio Verde

17/06/2024

Este primeiro acordo a longo prazo segue-se ao concurso da TotalEnergies para o fornecimento de 500.000 toneladas por ano de hidrogénio verde para descarbonizar as refinarias europeias da TotalEnergies.

 

Ao abrigo do acordo, a Air Products fornecerá hidrogénio verde procedente da sua rede mundial às refinarias da TotalEnergies do norte da Europa. Este hidrogénio evitará cerca de 700 mil toneladas de CO2 por ano. O contrato concedido à Air Products é um primeiro passo para atingir o objetivo da TotalEnergies de reduzir as emissões líquidas de gases com efeito de estufa das suas operações de petróleo e gás (Âmbito 1+2) em 40% até 2030, em comparação com os níveis de 2015.

A Air Products, líder mundial em termos de fornecimento de hidrogénio, foi pioneira, ao destinar mais de 15 mil milhões de dólares em projetos reais de transição energética de grande escala e lançando vários grandes projetos de hidrogénio com baixa emissão de dióxido de carbono no mundo, o que a torna um fornecedor líder e fiável.

total energies

“Este acordo com a Air Products, o primeiro assinado na sequência do concurso lançado no ano passado, é um passo em frente para o nosso objetivo de descarbonizar o hidrogénio utilizado nas refinarias da TotalEnergies no Norte da Europa até ao final da década. Temos orgulho em fazer parceria com a Air Products, pioneira na produção de hidrogénio com baixa emissão de dióxido de carbono, sob a liderança de Seifi Ghasemi. Uma vez mais, demonstramos a nossa capacidade de sermos pioneiros na transição energética e contribuímos para o surgimento de uma indústria de hidrogénio verde, oferecendo contratos a longo prazo com as nossas seis refinarias e duas biorrefinarias na Europa. Também temos o prazer de alargar a nossa parceria com a Air Products, tornando-nos um fornecedor de energia ecológica para a Air Products e contribuindo para o próprio roteiro de descarbonização da Air Products”, disse Patrick Pouyanné, Presidente e CEO da TotalEnergies.

“Hoje, uma das maiores empresas de energia do mundo comprometeu-se a usar hidrogénio renovável para descarbonizar as suas refinarias no Norte da Europa, e nós, na Air Products, temos o prazer e o orgulho de sermos o produtor e fornecedor do hidrogénio verde necessário”, disse Seifi Ghasemi, Presidente e CEO da Air Products. Observando que a Air Products iniciou a jornada de produção de hidrogénio limpo há sete anos, Seifi Ghasemi acrescentou: “Sempre acreditámos que se disponibilizássemos hidrogénio limpo à escala comercial, existiria procura. Este contrato valida a nossa estratégia a longo prazo. É evidente que a procura existe e irá crescer significativamente à medida que formos avançando, desempenhando um papel essencial na descarbonização da indústria pesada e de outros setores. Também quero expressar a minha admiração pela visão e coragem do Sr. Patrick Pouyanné em agir como pioneiro na criação de um futuro mais limpo para o mundo.”

Ao mesmo tempo, a TotalEnergies e a Air Products assinaram um memorando de entendimento para o fornecimento de energia renovável, o que implica a assinatura de um primeiro Contrato de Compra de Energia (PPA) para 150 MW produzidos num projeto solar no Texas. As partes também planeiam explorar em conjunto mais oportunidades de PPA no Reino Unido, na Polónia e em França. Este acordo, que fortalece a parceria entre a TotalEnergies e a Air Products, contribuirá para a rota de descarbonização da Air Products e está em linha com a estratégia de eletricidade integrada da TotalEnergies ao longo da cadeia de valor.

A TotalEnergies e a descarbonização das suas refinarias europeias

A TotalEnergies está empenhada em reduzir a pegada ecológica na produção, conversão e fornecimento de energia aos seus clientes. Uma das alavancas identificadas pela empresa é utilizar hidrogénio verde ou de baixo carbono para descarbonizar as suas refinarias europeias, um movimento que deverá ajudar a reduzir as suas emissões de CO2 em cerca de cinco milhões de toneladas por ano até 2030.

Com o objetivo de descarbonizar totalmente o hidrogénio utilizado nas suas refinarias europeias, a Empresa lançou, em setembro de 2023, um concurso para o fornecimento de 500 mil toneladas de hidrogénio verde por ano.