A BMW prepara-se para investir em força no desenvolvimento de novas baterias para automóveis elétricos e híbridos plug-in. Para isso, vai construir um novo Centro de Competência para Baterias, que vai iniciar a sua atividade em 2019, e onde vai ser desenvolvida a tecnologia que será usada na quinta geração de baterias para carros da marca alemã.

O centro representa um investimento de 200 milhões de euros para a BMW, e vai dar origem a protótipos cuja tecnologia será transferida não só para baterias e motores elétricos, mas também para transmissões e gestão eletrónica, tornando toda esta tecnologia mais integrada e mais eficiente no uso de energia.

Isto deverá permitir à BMW criar baterias mais compactas e com maior capacidade de carga, com a marca alemã a ter como objetivo aumentar a autonomia dos seus carros para 700 km até ao ano 2021, ao mesmo tempo que os híbridos plug-in deverão ter mais 100 km de autonomia só com energia elétrica.