A água do mar poderá esconder uma fonte de energia de valor indiscutível, para é quase impossível justificar o custo para a extrair. Mas agora há um novo material que pode ajudar a fazer com que, no futuro, seja possível extrair essa fonte de energia e usá-la para fazer automóveis andar sem qualquer poluição.

Yang Yang, pesquisador da Universidade da Florida Central, conseguiu criar um novo nanomaterial que usa a energia solar para iniciar o processo de extração do hidrogénio contido na água salgada. O pesquisador da universidade americana, que está a trabalhar nesta área há uma década, propõe usar um foto-catalisador, uma película microscópica de dióxido de titânio, com cavidades cobertas de dissulfito de molibdeno, materiais que aumentam consideravelmente a eficiência do processo.

Este material também é mais resistente à agua do sol, que corroía materiais interiores usados nos estudo, e que só funcionavam com água pura. Isto vai permitir aceder com mais facilidade a uma maior quantidade de hidrogénio, para ser usado em células de combustível, uma alternativa aos carros elétricos com baterias de iões de lítio.