A Porsche Engineering, uma divisão da marca automóvel, apresentou recentemente um protótipo que mostra como os carregamentos de bateria dos seus carros vão ser bem mais rápidos no futuro próximo. Trabalhando em conjunto com uma firma alemã de armazenamento de baterias, a ADS-TEC, a divisão de engenharia mostrou no Cayman e-volution como vai funcionar o conceito de Turbo Charging, ou turbo-carregamento. E como “turbocharger” também se refere ao turbocompressor, tem tudo a ver com a marca Porsche.

Usando um carregador de 800 volts, o sistema consegue carregar até 320 kW, pelo que consegue carregar as baterias rapidamente com energia suficiente para percorrer 200 km. Ao mesmo tempo, este Cayman e-volution mantém as performances desportivas quer se esperam de um Porsche, demorando apenas 3,3 segundos para atingir os 100 km/h.

Mas se já estão a imaginar a sensação das acelerações instantâneas ao volante do Porsche Cayman elétrico, tire daí o sentido. Este protótipo serve só para demonstrar tecnologia, e o carro não será produzido. O primeiro Porsche elétrico vai ser o Mission E, que deverá chegar ao mercado mais cedo do que o esperado, talvez já em 2019, com um motor elétrico de mais de 500 cv e a capacidade de percorrer 500 km com uma única carga de bateria.

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.