A BMW foi uma das primeiras marcas automóveis a oferecer uma gama de automóveis puramente elétricos, com os BMW i3 e i8. Parece uma boa ideia para reduzir a poluição, mas no fundo um carro movido a eletricidade tem tantas hipóteses de ficar preso no caminho para o trabalho como um carro a gasolina. O que fazia falta era algo de duas rodas. Leve e ágil. E de aparência simpática. E, se o público gostar da ideia, talvez passe à produção.

A BMW Motorrad é a divisão de veículos de duas rodas da marca alemã de luxo, e as suas motos são tão luxuosas como os seus automóveis. Neste caso, a proposta é uma scooter, chamada Concept Link, que mostra com a tecnologia eléctrica pode ser expandida aos veículos de duas rodas. Para tornar cada moto única, o banco pode ser alterado para transportar um passageiro adicional, e os vários painéis da carroçaria podem ser personalizados.

A BMW criou um conjunto de baterias finas, que fornecem energia a um motor compacto. Desta forma, todos os sistemas vitais cabem no desenho tradicional de uma scooter, mas a BMW conseguiu criar um design moderno e diferenciado. Em andamento, deverá ser capaz de oferecer acelerações mais rápidas que uma scooter tradicional, mas mantendo o comportamento ágil que é obrigatório em qualquer veículo de duas rodas pensado para as cidades modernas.

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.