Aviões influenciaram desenho do novo Nissan Leaf

a carregar vídeo

A Nissan continua a desvendar novas informações relativas à segunda geração do Leaf, um dos modelos mais aguardados da marca nos últimos anos face ao sucesso comercial (cerca de 277 mil unidades vendidas desde o seu lançamento) que obteve no segmento muito específico dos automóveis elétricos.

Depois de revelar o inovador sistema que irá permitir que o condutor acelere e trave o veículo com recurso a um único pedal, a marca foca-se agora na aerodinâmica do Leaf e na forma como esta foi concebida em benefício de uma maior autonomia.

Com menos atrito e uma maior estabilidade que lhe permitirá suportar com maior segurança situações de ventos cruzados, a casa japonesa garante que o Leaf será capaz de percorrer maiores distâncias sem necessidade de recarregar as baterias. Mesmo que não tenham ainda sido revelados dados oficiais, tudo aponta que o novo Leaf será capaz de percorrer pelo menos mais de 300 km com um único carregamento.

Leia também: Novo Nissan Leaf fotografado sem camuflagem

No vídeo agora revelado pode ver como os engenheiros da Nissan, inspirados nas asas dos aviões, recriaram a forma ideal para o novo Leaf, permitindo um fluxo de ar simétrico que o ajuda a cortar o ar, tornando as viagens mais suaves e eficientes.